segunda-feira, maio 17, 2004

Por falar em electricista, lembrei-me...

    Eu já há muitos anos atrás, desempenhei a profissão de electricista, sim, não duvides porque é verdade, eu conto;

    Aqui uns anos atrás, vi eu uma rapariga chamada Isabel, muito gira, toda catita, sabes, daquelas que vês passar e se tiver um poste mais a frente tu bates com a cabeça nele ?, estás a ver como é ?, pronto, assim, do género.

    Eu após ter começado a falar com ela, queria aprofundar os laços de amizade, do tipo de ela me admirar ou até talvez para dizer as amigas que eu era um gajo único, até que certo dia tive o conhecimento, por ela, que o Pai estava com uns problemas de electricidade em casa, precisamente nesse dia;

    Ora eu, pensei cá para o meu melhor amigo, - é a minha oportunidade, deve ser pó numa tomada ou um fusível fora do sitio, e eu faço de conta que é mais complicado e dou um tiro, com uma cacetada engato o Pai a Mãe e a Filha, J.- O meu melhor amigo respondeu: Aiiii!!!! Que lá vem problema...J

    Disse-lhe prontamente, Isabel, não tens problema eu vou já a tua casa e resolvo isso, pois eu já fui electricista - O meu melhor amigo murmurou: Eu não disse ?, lá vem encrenca, ele nunca teve semelhante profissão -

    Eu ao chegar a casa dela, após ter falado com os Pais, prontamente coloquei mãos a obra, e disseram-me que o problema era no quadro. Eu, bem, pois, entretanto, pois, bem, lá peguei numa chave de fenda e demorei ai uns 15 minutos para abrir a porta do quadro, depois é que reparei que estava a tentar abri-la do lado das dobradiças,... bem mas isso não era para contar...ups! mexi para ali, mexi para acolá e aparafusei dali e no outro sitio, tive tempo para matar uma barata que se passeava por perto e num ápice, pronto, assunto resolvido.

    Caso resolvido, Bem resolvido não foi assim, é que o resolvido para ser verdadeiro foi mais um Puuuuuummmm! Que não ficava nada atrás de qualquer bomba de S.João, ou S. António isto mais para sul.

    Nem eu consegui ver durante uns segundos --- semelhante estouro que quando vieram os funcionários da Electricidade, pois, eu fui o primeiro a dizer para os chamar... não sabiam o que fazer...ehehehehe

    E assim, conheci e aprofundei os laços de família...e sou realmente um gajo único.

1 comentário:

Anónimo disse...

You have an outstanding good and well structured site. I enjoyed browsing through it » »