quinta-feira, maio 29, 2008

Haja Consenso

Horários, cargas, descargas, trânsito, áreas de serviço, transportadores, clientes e fornecedores.

Se um cliente vendeu, logo encomenda ao fornecedor, muito simples; Mas analisando tanto quanto a minha modesta apreciação me permite, seria simples se houvesse colaboração por ambas as partes; Porque o essencial esta feito, existe a venda pressupõe o lucro. Certo?

Para que este processo seja completado pela parte material, ou seja do bem, desenvolve-se assim;

Antes de falar no transportador, falo ainda no cliente que não tem uma análise de rotatividade do produto vendido nem tão pouco quer ter stock, interessa a este a politica do No momento (just in Time); Portanto terá que haver as vias de transporte rápidos para satisfazer o cliente final –; Sim final, porque existe muitos casos que passam, desde a fabrica até ao comercial, chegam a passar 3 ou mais entrepostos, não é de todo invulgar dizerem ao próprio motorista para não divulgarem onde carregou o que obriga a trocas e baldrocas de C.M.R. (documento internacional de transporte – a normal guia de transporte); Mas não é isto que quero direccionar, que sejam espertos e hábeis para o negócio, ok. Nada contra.

Aparece o transportador contratado para o transporte que ainda vai ver se existe camião perto, caso não exista, tenta e telefona a meia dúzia de colegas da área e vende a carga a quem esteja perto ou aflito por ter um camião parado há já algum tempo.

A carga é carregada, ok. Seja á sexta ás altas horas da noite, desinteressados totalmente do motorista que ta farto de avisar que se levantou ás 5 da manha, – mas aqui o motorista também tem culpa, e não tem, porque se bater o pé, no fundo uma realidade e o direito que lhe consiste, existe logo outro que o faz – Neste processo, ouve-se uma boca pela parte da entidade patronal, esta sempre longe de Portugal, normalmente a meio do caminho – Porque a moral do motorista esta mais doce, saudade de casa, ta longe etc. etc. – a questionar porque é que não saiu ao Domingo se carregou na sexta!!!! E depois vem a parte do cliente que questiona, porque é que a carga já não esta lá para entregar ao cliente.
Nesta gente toda, 90% foram almoçar fora, dormiram em casa e o fim-de-semana é sagrado.

Após a descarga, com o motorista no local, leva com a má cara de quem descarrega e após ter dito que esta vazio ao colega do escritório, leva com uma frase, aguarda que não temos nada….e aguenta 56 horas fim de semana também numa qualquer área de serviço a apreciar gajas e gajos a rondar os camiões. Por favor….Haja consenso.

...muito mais haveria para desenvolver...

3 comentários:

bernard n. shull disse...

i did a little research after you told me about your "thing", and if you want a way to make more money using your your blog you can enter this site: link. bye.

Kátia disse...

Tadinho de meu amigo.Poderia ter mesmo tido um consenso.Mas,não houve e é para ficar mesmo retado da vida.
Compreendo-te!

DRIVER disse...

Chegará o tal dia em que a compreensão prevalecerá?

Não creio.